Pesquisar

terça-feira, 28 de agosto de 2007

Hospital do Cacém

Novo hospitalcuf no concelho de Sintra:

«A José de Mello Saúde vai investir 60 milhões de euros na criação de um novo hospital de 100 camas no concelho de Sintra. A futura unidade hospitalar contará com atendimento permanente, bloco operatório incluindo cirurgia do ambulatório, unidade de cuidados intensivos, hospital de dia, mais de trinta gabinetes de consultas externas e uma forte capacidade de meios de diagnóstico e tratamento, assente em grande actualização e diferenciação tecnológica. Terá uma área de 33 mil metros quadrados, incluindo estacionamento para 400 viaturas. Está prevista a criação de cerca de 300 postos de trabalho de enfermagem, auxiliares, técnicos e administrativos a que acrescerá um número na ordem dos 150 médicos segundo diferentes tipologias de contratação. Espera-se a sua abertura em 2011 na zona do Pólis do Cacém de forma a servir centralmente um concelho que tem, neste momento, 370 mil habitantes, maioritariamente famílias jovens.»
  Foi pouco tempo depois de me mudar para Agualva-Cacém que abriu o hospital Amadora-Sintra (Fernando Fonseca). Foi também pouco tempo depois que fechou o hospital em Sintra. E também pouco tempo depois o Amadora-Sintra começou a revelar-se insuficiente para tão grande área de abrangência. E pouco tempo depois começaram então as promessas de um novo hospital para Sintra.
  Passou, portanto, muito tempo. O potencial hospital vai tomando diversas designações/localizações, sem nenhum ordenação temporal especial... "Sintra", "Sintra-Cascais", "Cascais"...

  Mas acabo por acreditar mais na promessa acima... Dá vontade de pensar "Cá está o prometido hospital!", e mesmo "à porta" de minha casa (onde ao certo ainda não percebi).
  Um hospital CUF no Cacém. Anos à espera de um novo hospital, e acaba por abrir um privado (sendo que se chegar a abrir o público será com gestão privada do mesmo grupo)...

  Uma das coisas que me irrita no Amadora-Sintra é mesmo a sua localização... Faz-me lembrar aqueles hipermercados isolados da cidade, no meio de vias rápidas, e impossíveis de chegar a pé. Sempre quero ver onde constroem o novo hospital público... Se e quando construirem...

1 comentário:

drCursor disse...

Anos e anos em que as zonas suburbanas de Lisboa sofrem por falta de um hospital que sirva toda a sua populacao sem o peso das deslocações à Amadora ou a Lisboa, e a recompensa é brilhante.. ora tomem la um hospital da CUF...se o quiserem usar : paguem!